NOSSO NEGÓCIO

A jornada da INOPAT começou em 2005, ao identificarmos a necessidade de novas opções de produtos para o mercado diagnóstico brasileiro, principalmente para identificação de tumores em tecido, no segmento da Patologia Cirúrgica.

NOSSOS PRODUTOS

Diagnóstico

Esta linha inclui principalmente reagentes para a realização de testes por imuno-histoquímica, imunofluorescência, hibridização in situ e outras técnicas moleculares.

Pesquisa

Para a área de pesquisa em Ciências da Vida oferecemos à comunidade científica soluções laboratoriais para o desenvolvimento de diversas técnicas em diferentes áreas de estudo.

Equipamentos

Fornecemos equipamentos e acessórios de última geração para o mercado diagnóstico e de pesquisa, visando a melhoria contínua da qualidade das amostras, assim como dos processos, para obter a maior segurança nos resultados.

Consumíveis

Nossa linha de consumíveis inclui produtos especialmente selecionados com os mais altos padrões de qualidade a fim de garantir a performance dos testes sem interferir na qualidade das amostras.

Com soluções integradas para realização de testes laboratoriais,  proporcionamos aos patologistas maior segurança diagnóstica e aos pesquisadores maior confiabilidade nas pesquisas em ciências da vida.

PARCEIROS

BLOG

Anticorpos validados para uso em modelos experimental: Drosophila melanogaster

A BioLegend está comprometida com o avanço da pesquisa em Neurociência, fornecendo reagentes acessíveis e de alta qualidade para comunidade Científica. Com o portfólio crescente na linha de produtos para neurociência o pesquisador agora pode contar com uma grade de anticorpos oferecidos em tamanhos menores (25 μg ou 25 μl) e formatos conjugados para múltiplas aplicações, como microscopia e immunoblotting.

Leia mais »

Problemas com controles para Imuno-histoquimica?

Um dos principais problemas enfrentados hoje pelos laboratórios que realizam imuno-histoquimica é a obtenção de tecido do arquivo, adequado para uso como controle. Isto deve-se a heterogeneidade na expressão dos biomarcadores, artefatos de fixação, raridade de sua expressão ou apenas indisponibilidade do material. Atualmente, alguns laboratórios utilizam um controle por bateria de coloração, entretanto, em geral, as plataformas totalmente automatizadas realizam o protocolo de forma individualizada. Portanto, o uso de controles específicos por lâmina é uma prática recomendada, pois reflete exatamente o que acontece com cada uma individualmente.

Leia mais »
Fechar Menu