NOSSO NEGÓCIO

A jornada da INOPAT começou em 2005, ao identificarmos a necessidade de novas opções de produtos para o mercado diagnóstico brasileiro, principalmente para identificação de tumores em tecido, no segmento da Patologia Cirúrgica.

NOSSOS PRODUTOS

Diagnóstico

Esta linha inclui principalmente reagentes para a realização de testes por imuno-histoquímica, imunofluorescência, hibridização in situ e outras técnicas moleculares.

Pesquisa

Para a área de pesquisa em Ciências da Vida oferecemos à comunidade científica soluções laboratoriais para o desenvolvimento de diversas técnicas em diferentes áreas de estudo.

Equipamentos

Fornecemos equipamentos e acessórios de última geração para o mercado diagnóstico e de pesquisa, visando a melhoria contínua da qualidade das amostras, assim como dos processos, para obter a maior segurança nos resultados.

Consumíveis

Nossa linha de consumíveis inclui produtos especialmente selecionados com os mais altos padrões de qualidade a fim de garantir a performance dos testes sem interferir na qualidade das amostras.

Com soluções integradas para realização de testes laboratoriais,  proporcionamos aos patologistas maior segurança diagnóstica e aos pesquisadores maior confiabilidade nas pesquisas em ciências da vida.

PARCEIROS

BLOG

Problemas com a recuperação antigênica na sua rotina de Imuno-histoquímica?

A maioria dos tecidos fixados em formol necessita de uma etapa de recuperação antigênica para “desmascaramento” e localização do antígeno na técnica de imuno-histoquímica. A etapa de recuperação antigênica consiste na quebra das pontes de metileno que ligam as proteínas nos tecidos fixados em formol, permitindo a subsequente ligação dos anticorpos ou de sondas de DNA/RNA aos epitopos ou ácidos nucleicos de interesse.

Leia mais »

ROS1 – Resultado final do Estudo clínico EUCROSS

Rearranjos de ROS1 são encontrados em 1% dos pacientes com câncer de pulmão. A eficácia terapêutica do crizotinib neste subgrupo já foi demostrada em estudos clínicos de fase inicial nos Estados Unidos e Leste da Ásia. Neste estudo são apresentados dados sobre eficácia e segurança de um estudo prospectivo de fase II avaliando o uso de crizotinib em pacientes europeus positivos para ROS1 (EUCROSS).

Leia mais »
Fechar Menu