E se você pudesse fazer o processamento e o emblocamento de tecidos de uma vez? Sonho ou Sinergia?

De acordo com a Wikipédia SINERGIA ou sinergismo (do grego συνεργία, συν- (syn-) "união" ou "junção" e -εργία (-ergía), "unidade de trabalho"), é quando se tem a associação concomitante de vários dispositivos executores de determinadas funções que contribuem para uma ação coordenada, ou seja o resultado do conjunto de esforços em prol do mesmo fim.

Continuar lendo

Como um sistema de registro digital pode aprimorar a etapa de macroscopia e auxiliar em diagnósticos mais seguros e precisos?

O registro fotográfico das peças e amostras em patologia cirúrgica e forense é uma ferramenta de benefício inestimável para os patologistas, pacientes e estudantes, podendo ser fundamental no registro especificamente, das estruturas anatômicas que as constituem, da(s) lesão(ões) que nelas se identifica(m) e das suas relações. Os registos permitem rever o caso e podem servir para futuras apresentações/discussões, formação científica e, até mesmo, para discussão com o clínico.

Continuar lendo

Webinar Gratuito Milestone! Você é nosso convidado | 06/05/2020

Nos laboratórios de hoje, o formol é o fixador padrão para coleta e armazenamento das amostras biológicas para exames patológicos e diagnósticos. Profissionais dos centros cirúrgicos e dos departamentos de patologia, são expostos a altos níveis desses vapores. Por isso, os departamentos de segurança hospitalar e clínica devem adotar precauções para garantir a segurança de seu pessoal.

Continuar lendo

UltraSafe – Exposição zero de formol no manuseio de peças cirúrgicas

Em 2006, o formaldeído foi declarado cancerígeno e mutagênico para seres humanos pela Agência Internacional de Pesquisa do Câncer. Apesar disso, nos laboratórios e salas de cirurgia de hoje, o formol continua sendo o fixador universal para coleta; armazenamento e preservação das amostras biológicas, expondo os envolvidos com seu manuseio a altos níveis de vapores tóxicos. Diante desta realidade, torna-se essencial que hospitais, clínicas e laboratórios adotem precauções para minimizar o uso do formol e garantir a segurança de seu pessoal.

Continuar lendo
Fechar Menu